quinta-feira, 16 de novembro de 2017

2017 (150)

Tribunal da Relação de Guimarães
Acórdão de 9 de outubro de 2017
Proc. n.º 198/15
 
Comete o crime de difamação a enfermeira que, por escrito, apresentou uma reclamação referindo que o médico era incompetente, mal-educado, frustrado e insatisfeito.